Rosane Lage Lacerda

Clareamento 


Existem basicamente duas formas de realizar o clareamento:
 

No consultório: Utiliza-se um gel clareador que irá penetrar nos dentes liberando oxigênio e assim promover a quebra das moléculas dos pigmentos levando a um clareamento da estrutura dentária. Esse processo, se executado corretamente, não causa nenhum prejuízo ao dente nem à saúde geral do paciente. Existem aparelhos a laser próprios para serem utilizados em clareamento dental. Na verdade, o laser funciona como um acelerador do tempo de obtenção do clareamento. Quem promove de fato o clareamento é o gel empregado.
 

Em casa: O chamado clareamento caseiro baseia-se na utilização de moldeiras personalizadas confeccionadas pelo dentista com o propósito de receber o gel clareador (geralmente em concentrações menores do que aqueles usados em consultórios) e mantê-lo em contato direto com o dente por um período médio de 6h diárias. Normalmente é feito à noite enquanto dormimos. Os resultados finais são geralmente tão satisfatórios quanto os realizados nos consultórios. Apenas deve ser realizado por um período um pouco mais longo (algumas noites).